em Meio Ambiente
21 mar, 2016

O cofre do fim do mundo

Em 2008, na Ilha Svalbard  (Noruega), foi inaugurado o cofre do fim do mundo. Tomei conhecimento só recentemente e achei demais! A realização é uma parceria entre a ONU e o governo norueguês, o cofre fica a 120 metros de profundidade da montanha Spitsbergen. O que está tão bem guardado? Sementes de todo o tipo de plantas com valor alimentício dos quatro cantos do mundo. É lá que vai estar a nossa salvação (e a da agricultura mundial, claro) em casos de catástrofes como quedas de asteroides, desastres climáticos ou guerras nucleares. Com o homem cada vez mais egoísta, a biodiversidade está comprometida.

arctic-doomsday-vault-tunnel-600

03seedbank.ngsversion.1443042001575.adapt.768.1

A caixa forte, mesmo sofra uma falha elétrica, está protegida pela montanha de gelo que vai garantir a refrigeração abaixo de zero mesmo em caso de falha mecânica por pelo menos 200 anos. São 3 câmaras com capacidade de armazenar 4,5 bilhões de sementes por aproximadamente 20 mil anos! Hoje já são mais de 860.000 sementes dos quatro cantos do mundo. Estima-se que mais de 40 países perderam seus bancos de sementes locais por diversos motivos, o principal é a guerra. Esse projeto pode servir, inclusive, para reabastecer bancos locais.

ap_08022607682

4186766565_b7a7a7c1ea_b-1

É a arca de Noé dos tempos modernos! Fiquei encantada por essa ideia… A primeira retirada de sementes do cofre foi solicitada pelo Oriente Médio depois que um banco foi destruído com a guerra na Síria. É incrível que alguém tenha pensado em perpetuar e proteger as espécies vegetais do planeta. Esse vídeo mostra com mais detalhes o interior do cofre, assistam e se impressionem com eu:

É ou não é maravilhoso??

FacebookGoogle+Pinterest
Postagem Anterior Próxima Postagem

You Might Also Like

PARA VOCÊ LER TAMBÉM

1 Comment

  • Responder Paula Negreiros 23 mar, 2016 at 17:31

    Nossa, adorei esse post. Muito interessante.

  • Responder